terça-feira, 15 de novembro de 2016

ALEGRIA E TRIUNFO PARA 2017




Infelizmente não é o conteúdo todo, mas é o suficiente para sentir o valor do livro. O áudio, pelo visto, é completo. 

Então: vamos nos precaver do ano de Saturno, da Lei, do Rigor?
Usando a Lei da Graça, do Amor?

Enquanto escrevia o artigo sobre 2017 e a regência de Saturno e seu rigor, por representar a Lei do Rigor per se, eu soube que teria que escrever um artigo para contrabalançar o efeito de Saturno - e imaginei aprofundar a Lei da Graça   mencionada rapidamente no artigo (que equivale, em linguagem new age, à Chama Violeta). Mas ontem, ao buscar por um livro para uma pessoa  em um sebo de São José dos Pinhais, encontrei o livro ALEGRIA E TRIUNFO, novinho, por R$ 3,00 - isso mesmo! E então me lembrei que este título ronda meu subconsciente há meses - algo me dizendo para lê-lo. Eu até achei que já tinha lido o livro e talvez até o tenha entre minha biblioteca, mas... nem isso ainda chequei.
Fato é que comecei a ler o livro hoje cedo e fiquei literalmente impressionada.
E preciso partilhar isso com vocês urgente! Afinal, Alegria a gente não deve segurar.
Portanto, partilhado está acima o que uma amiga encontrou via Google quando falei prá ela do livro - e a seguir algumas dicas chaves em relação ao livro e de alguns temas abordados por ele. Não que eu já o tenha lido todo (metade), mas o que abordarei independe do conteúdo total.



Para começar quero dizer o seguinte:
- Que SE HOJE alguém me perguntasse qual livro eu levaria da minha Biblioteca caso só pudesse levar UM comigo, seria... sim, o livro da imagem.
Isso responde a todas as eventuais perguntas que alguém teria.
Mesmo assim, optei por fazer algumas notas que considero chaves por diversos motivos, e também em função da diversidade de crenças de cada pessoa.

NOTAS CHAVES

1. LINGUAGEM DO LIVRO: Ele usa uma linguagem antiquada, diriam alguns. Que muitos não gostam. Sim. concordo. Mas saibam que esta linguagem não é somente antiquada, ela tem outro valor: sempre que uma mensagem de alto valor espiritual é repassada para a Humanidade é usada esta linguagem pelo nível vibratório elevado dela. Para quem sabe do que falo isso basta - aos demais basta acreditar por ora. 

2. PÉROLAS E DIAMANTES: Se de um lado eu combato as heresias cometidas com a nossa Bíblia cristã, principalmente em relação ao Velho Testamento, por outro lado, sempre que tenho oportunidade, eu ressalto o bom dela, geralmente relacionado ao Novo Testamento. Nesse sentido este livro é de valor inestimável, porque resgata as Pérolas do Velho Testamento e os Diamantes do Novo, explicando ambos de tal modo, que todos possam entender, e não apenas os ditos Iniciados.

3. LEI DO AMOR & LEI DO RIGOR: No Velho Testamento se confunde o Jeová, representante da pura Lei do Rigor, o Senhor, com o amoroso e compassivo PAI, usado por Jesus, que exprime a Lei do Amor e da Graça (em combinação com a compaixão do aspecto Materno do Amor). 
Mas na Bíblia há passagens em que o Jeová é um Extraterrestre que busca criar uma raça pura a seu modo, usando de violência e toda forma de brutalidade - eu nunca entendi do porque os cristãos nunca terem questionado tal "deus" de forma nua e crua e acharem somente desculpas prá ele; se tivessem ido mais a fundo, teriam que descobrir e constatar que a Bíblia é de longe apenas um livro sagrado!!!
Portanto, a bem da verdade, o nome ou termo Jeová é usado no Velho Testamento para designar três seres:
 - Jeová, ou Senhor (isso o livro citado me fez entender) representando a Lei do Rigor, que na linguagem da Astrologia é Saturno, e  que agora vocês conhecem o suficiente.
- Jeová, o extraterrestre, fazendo experimentos e exigindo obediência plena a ele em detrimento de outros deuses... extraterrestres! 
- Jeová, simbolizando o PAI! Não posso garantir, mas acho que se usa algumas vezes o nome de Jeová para designar o PAI!

Portanto, comecem a questionar porque Jesus sempre falava do PAI - e nunca de Jeová. O motivo mais óbvio é que ele veio para expressar e fundamentar sobre o Planeta A LEI DO AMOR E DA GRAÇA, que implica na LEI DO PERDÃO... mas para ser perdoado é preciso perdoar! Isso e outros o Livro ALEGRIA E TRIUNFO vai resgatar numa linguagem atual, em que todos possam entender as profundas implicações nas frases proferidas por Jesus, incluso quanto ao perdão.

4. DICAS DE COMO LER O LIVRO: Pessoalmente costumo anotar no final, com lápis, o número da página e o que me impressionou nela! Mas um meio mais simples é pegar umas três folhas de sulfite, dobrar ao meio, colocar no final do livro e anotando JÁ a página e o que lhe impressionou nela para reler depois ou para copiar alguma prática - o livro tem inúmeras - para cada necessidade diria. Aos que preferem: compre um caderno e vá anotando tudo! Assim terá um Caderno com Notas Chaves de todos os livros - pois o mero ler não vai trazer nada - de conhecimentos e boas intenções o inferno tá cheio.

5. ALTERANDO NOSSO DESTINO: O mérito central do livro é mostrar que cada um é responsável por suas palavras, pensamentos, sentimentos e atos e que colhemos o que semeamos através dos quatros meios de expressão! Até aí nada de novo. O novo é que ele ensina, com a máxima simplicidade possível, lançando mão de exemplos reais, como alterar nosso passado, que se expressa no presente, e que alguns chamam de destino. Sim, se não fizermos nada, a Lei agirá com rigor. E embora haja inúmeros livros que tratam do tema, a maioria apenas enfatiza o aspecto de ficar rico materialmente - portanto, usando uma Lei Divina para fins meramente materiais. Já o livro aborda o todo - é altamente holístico: ensina como resolver situações caóticas em todos os campos da vida humana e, ao fazer isso, vamos nos purificando de nosso passado e de nosso subconsciente abarrotado de velharias; nossa Caixa de Pandora, para quem entende o termo.

6. LIMPANDO NOSSO SUBCONSCIENTE: Essa limpeza que vamos efetuando na medida que vamos sanando nossas mazelas, usando alguma prática sugerida no livro, vai nos preparar para o próximo ano, para que a colheita não seja tão dura - provavelmente muita coisa nem vamos colher, porque já desfizemos - e isso é uma GRAÇA ENORME - sem tamanho! 

7. LEITURA PERIÓDICA: Portanto, não é um livro para ser lido e deixado de lado! Ler e reler para nos inspirar - porque, via de regra,  a Lei da Inércia nos vence. Daí é preciso uma dor grande para a gente voltar a praticar algo. Por isso enfatizo novamente: anote o que lhe chamou a atenção, e não só isso: anote quem lhe ocorreu para perdoar, ou algo que sempre quis mudar em sua vida e não sabia como. Lembrando de algo fundamental:

- DEIXE TUDO NAS MÃOS DO PAI EM TI!
- ELE SABE O TEMPO CERTO, A HORA CERTA E O JEITO CERTO!

8. O TEMPO KAIROS E KRONOS:  Sobre isso, talvez, eu ainda publique algo para reforçar. Pois isso é uma chave preciosa, ou seja: confiar no TEMPO DE DEUS! No tempo Kairos e não Kronos!

Como egos achamos que devemos planejar, estipular datas e enfim, fazer de tudo - usamos Kronos (na verdade Chronos), o tempo linear e isso, meus cairos, ;-)) digo, meus caros, sabe prá quem ainda funciona?

- Para um ego imaturo, que ainda precisa maturar sua vontade, inteligência, desejos, etc.; mas hoje, passando um minuto da meia noite, a maioria dos egos está pronto, caindo de maduro, para a outra etapa:

- A etapa da entrega do fruto maduro para uso do PAI! Foi para isso os milhões de anos, para maturar os veículos da personalidade: do pensar, sentir, perceber e agir. Agora estão maduros. Prontos para uso do PAI, mas o ego não quer largar o osso... rosna, se zanga, xinga... não entende que a queda, por bem ou por mal, chegou ao final. Poderia ter sido com menos dor - se Lúcifer não tivesse colocado o dedo dele no meio da criação e outros seres de diversas origens... mas o mal tá feito e tá quase no ponto de ser desfeito.
(Leia também meu artigo JESUS, SENHOR DO TEMPO, que postei em fevereiro deste ano)!  

ENTÃO...todo mundo fala na Entrega, cada um na sua linguagem, inclusive entregar o ego... mas, vamos falar a verdade? A gente não consegue entregar de verdade nenhum assunto de nossas vidas... para sentir o milagre DAS MÃOS DE DEUS movendo nossas vidas! Ao invés disso, ainda preferimos viver sob a dura lei do tempo:

9. COM O SUOR DE TEU ROSTO COMERÁS O PÃO...(OU NÃO MAIS!!!)
Um dos vários símbolos e significados da Queda, do Pecado, da Árvore do Bem e do Mal... (a dualidade, realidade na qual vive o ego),  é que, ao tomarmos consciência de nós, do ego, nós começamos apenas a viver dele, de nosso esforço, dos nossos desejos, da nossa inteligência primária ou primata (!) - isso foi a advertência bíblica:
- Comerás com o suor de teu rosto... etc.!!!
Um assunto fascinante e gigante, mas resumindo:

- Agora é hora de voltar a comer da Árvore da Vida, que fica no Meio do Jardim - no meio do nosso peito - onde mora o Pai, em Segredo... por isso Jesus disse para orarmos em Segredo ao Secreto!
- Ao vivermos da Árvore da Vida, tudo flui, o esforço humano é mínimo, sobretudo não inflige as Leis, não fere o próximo, não produz carma, não atravanca a ascensão do Planeta Terra com mais pesos, enfim... quem entendeu, entendeu a profunda e ampla ressonância de se viver da Vontade do PAI EM NÓS.
- Mas calma - lembra que o tempo de Deus é outro. Vá praticando, cada coisa de uma vez e vá fortalecendo sua fé com práticas simples, menores, para justamente criar fé, pois é dela que TUDO DEPENDE!

Para finalizar,duas citações do livro para inspirar a lê-lo <e> praticá-lo:

Para a maioria é mais fácil ter medo do que ter fé; por isso, a fé exige um esforço de vontade. À proporção que despertardes vossas forças espirituais, reconhecereis que toda desarmonia exterior é correspondente a uma desarmonia interna. Se tropeçardes e cairdes, é porque tropeçastes e caístes em vossa consciência.

 Jesus Cristo vos trouxe a boa nova (o Evangelho) da existência de uma lei superior à do Carma e que a transcende completamente. É a lei da graça e do perdão. A lei que liberta o indivíduo da lei de causa e efeito, que é a lei das conseqüências. Colocai-vos debaixo da graça e não da lei. 









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos de antemão os que se derem ao trabalho de expor um comentário, pedimos apenas que sejam objetivos, seja na exposição, ou na formulação de dúvidas.